Servidores do DF com deficiência podem reduzir jornada em até 50%

Antes era possível diminuir em até 20% a rotina de trabalho. Lei que faz a mudança foi publicada nesta quarta-feira (20/11/2019)



Servidores do Distrito Federal com deficiência ou doença falciforme e aqueles que tenham cônjuge ou dependente nessas condições poderão reduzir a jornada de trabalho em até 50%.
Antes, conforme a legislação, era possível diminuir a rotina laboral em até 20%. A novidade passou a valer nesta quarta-feira (20/11/2019), com a publicação da Lei Complementar nº 954/2019.
Para ter direito à redução, é preciso atestar necessidade por junta médica oficial ou comprovar a dependência na área de gestão de pessoas.
De acordo com o secretário de Economia, André Clemente, a medida vai ao encontro de entendimentos do Poder Judiciário, que tem deferido pedidos para reduzir as jornadas de trabalho.
“Será avaliado caso a caso. Um novo cadastro vai ser atualizado com dados da família”, disse Clemente.
Segundo a área técnica da Secretaria de Economia, não haverá aumento de despesas porque a situação não implica a necessidade da contratação de servidor.
Veja o que prevê a nova norma:
Reprodução/DODF
Trecho do despacho da Subsecretaria de Orçamento Público, da Secretaria de Economia:
Leia Mais;Metrópoles

Share on Google Plus

About Lidera DF

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 Comments:

Postar um comentário

Política de comentários: Adoramos os comentários e agradecemos o tempo que os leitores gastam para compartilhar ideias e dar feedback. No entanto, todos os comentários são moderados manualmente e aqueles considerados spam, discórdia ou exclusivamente promocionais serão excluídos. Contestações, elogios e sugestões também podem ser encaminhadas pelo nosso email portallideradf10@gmail.com